Pedagogia

18Jan

A Constituição Federal de 1988 foi um importante marco para a democratização da educação. A Constituição cidadã reforçou o movimento de gestão democrática da educação que teve um grande avanço nas décadas de 80 até meados da década de 90, quando foi, então, promulgada a atual Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei 9394/96) – LDB, que contemplou em seus artigos nº 14 e 15 os princípios norteadores da gestão democrática, veja:Art. 14. Os sistemas de ensino definirão as normas da gestão democrática do ensino público na educação básica, de acordo com as suas peculiaridades e conforme os seguintes princípios:I. Participação dos profissionais da educação na elaboração do projeto pedagógico da escola;II. Participação das comunidades escolar e local em conselhos escolares ou equivalentes.Art. 15. Os sistemas de ensino assegurarão às unidades escolares públicas de educação básica que os integram progressivos graus de autonomia pedagógica e administrativa e de gestão financeira, observadas as normas gerais de direito financeiro público.Diante do exposto, analise as afirmações abaixo, identificando a única incorreta:Escolha uma:a. Independente de atender as necessidades particulares de cada escola, a gestão dos sistemas de ensino público seguirá as diretrizes e as normas determinadas pelos entes federativos competentes.b. Os princípios de gestão democrática contemplados na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional fazem parte das políticas afirmativas para a consolidação do Estado Nacional democrático como um todo.c. Uma contradição percebida nesse contexto é a “pseudo-gestão democrática”, ou seja, a lei define que os processos de gestão escolar devem ser descentralizados e participativos, porém, os sistemas de ensino engessam a gestão escolar ao definir as regras para suas aplicações.d. Os princípios de gestão democrática previstos na constituição e regulamentados na L.D.B.E.N. garantem que as escolas públicas de todo o Brasil tenham, efetivamente, autonomia para gestar suas ações didático-pedagógicas e financeiras.

Conta apagada Pedagogia 1 0
18Jan

“Filha”, “esposa”, “mãe” há muito deixaram de ser as únicas identificações valorizadas da mulher na sociedade. Já há algumas décadas reconhece-se que as brasileiras ultrapassaram os espaços tradicionalmente reservados ao dito “sexo frágil” e desempenham, hoje, papéis e funções sequer sonhadas por suas bisavós e avós. Foi uma longa estrada percorrida, com percalços e desvios, mas que se mostra, aparentemente sem volta. Junto com as mulheres, as famílias também mudaram, e de maneira muito rápida, se compararmos o século XX e início do XXI aos períodos anteriores”. SCOTT, A. S. V. O caleidoscópio dos arranjos familiares. In: Nova história das mulheres no Brasil. São Paulo: Contexto, 2012, p.15. A partir das informações trazidas pelo texto, avalie as asserções a seguir e a relação proposta entre elas. “Na ordem patriarcal, a mulher deveria obedecer o pai e marido, passando da autoridade de um para a do outro, através do casamento monogâmico e indissolúvel. Os projetos individuais e as manifestações de desejos e sentimentos particulares tinham pouco ou nenhum espaço quando o que importava era o grupo familiar e, dentro dele, a vontade do seu chefe, o patriarca, era soberana”. (SCOTT, 2012, p.16). PORQUE “A “nova família” também exigia uma “nova mulher”: uma mãe dedicada que dispensava especial atenção ao cuidado e à educação dos filhos (não recorrendo mais às amas de leite, por exemplo), responsabilizando-se também pela “formação moral das crianças”. Essa “nova mulher” seria também a esposa efetiva, ainda submissa ao marido, mas não mais completamente sem voz”. (SCOTT, 2012, p.17). A respeito dessas asserções, assinale a opção correta. ALTERNATIVAS As asserções I e II são proposições verdadeiras e a II é uma justificativa da I. As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa da I. A asserção I é uma proposição verdadeira e a II é uma proposição falsa. A asserção I é uma proposição falsa e a II é uma proposição verdadeira. As asserções I e II são proposições falsas.

mundobacana000 Pedagogia 1 0